Projetos. É dessa forma que nós, organizadores profissionais, costumamos chamar o conjunto de ideias que desenvolvemos para alterar a disposição original dos objetos e móveis de um ambiente, com o objetivo de atender melhor às necessidades do cliente. Não muito familiarizadas com esse linguajar próprio da profissão, muitas pessoas associam a expressão projeto de organização a ambientes maiores e mais complexos do que eles precisam ser.

É claro que existem projetos grandiosos, que podem envolver mudança física de residência, reestruturação corporativa ou montagem de uma grande biblioteca, por exemplo. Todavia, é importante lembrarmos que nem só de grandes projetos vive a organização. Pequenos espaços podem receber uma imensa ajuda com poucas alterações e essas alterações fazerem uma enorme diferença no dia a dia das pessoas.

Hoje vou falar sobre alguns destes diminutos projetos que podem ser transformadores e facilitar muito a sua vida. Algumas das vantagens deles são: custo reduzido, conclusão em curto espaço de tempo e, para quem ainda não conhece os efeitos transformadores da organização profissional, uma ótima oportunidade para entender como ela funciona na prática.

Pequenos grandes projetos

 

Organização de carros

Não entende porque alguém precisaria disso? Obviamente você não é mãe de crianças pequenas e nem tem que lidar com toda aquela miríade de objetos que fazem parte desse universo.

Entre mudas de roupas, brinquedos, agasalhos de reserva, lanchinhos e utensílios de emergência, o seu carro pode se tornar caótico em pouco tempo. Armazenamento adequado e setorização podem fazer maravilhas para que o veículo se torne habitável, limpo e prático, com espaço na mala e nada pelo chão ou bancos.

Esse é um tipo de serviço rápido, realizado em poucas horas, e com resultado surpreendente.

 

Organização de geladeira e freezer

Outro espaço que não precisa de muito incentivo para se transformar em um buraco negro é uma geladeira desorganizada. Os prejuízos decorrentes dessa desorganização costumam ser notados rapidamente. Seja no aumento do consumo de energia devido ao tempo de porta aberta para localizar o que deseja, seja no desperdício com produtos que estragam ou perdem a validade antes de serem consumidos, o aumento na conta não é algo que passe despercebido.

Assim como a despensa, esse espaço muda radicalmente quando são usadas vasilhas adequadas para a conservação, setorização e cestas para facilitar a utilização de “kits”, como itens usados no café da manhã ou laticínios de reposição.

 

Organização de roupa de cama e banho

Nem sempre itens de rouparia são acomodados de forma a alcançar o melhor aproveitamento possível do local onde são armazenados. Isso implica em conjuntos descasados, compras desnecessárias e desgaste não uniforme das peças.

Com os conjuntos montados, acessíveis e com fácil visualização, a rotatividade de utilização das roupas fica facilitada e o desgaste delas mais uniforme. Dessa forma, as toalhas e roupas de cama duram mais, ninguém perde tempo procurando a reposição semanal e, além disso, um roupeiro organizado fica tããão lindinho.

 

Organização de ferramentas

Ferramentas são imprescindíveis no funcionamento de uma casa. Dito isso, nós sabemos que a quantidade e variedade delas varia de casa para casa, desde “uma chave de fenda e uma fita isolante” até “oficina mecânica e elétrica semiprofissional”. Quão maior for o número de itens, maior será a confusão e a dificuldade para localizar o que se quer, se as ditas cujas não estiverem organizadas de forma lógica.

Se o seu acervo não é tão tímido assim e a utilização dele é regular, vale a pena investir em setorização e em organizadores adequados para facilitar a localização das ferramentas e a sua conservação. Isso evita compras desnecessárias de material que já se tem e o desgaste antecipado de ferramentas por estarem mal acondicionadas.

 

Vale a pena investir

 

Por se tratarem de espaços reduzidos, o tempo gasto por um organizador também é reduzido, assim como o valor investido pelo cliente. Em uma avaliação de custo/benefício, tornar uma área que você utiliza com regularidade organizada e funcional, evitando desperdícios de tempo e dinheiro, por um custo baixo, é um excelente investimento.

O único risco é você ficar apaixonada pelas vantagens de um ambiente organizado e querer expandir essa experiência por toda a sua casa (ou escritório, ou loja, ou ateliê…). Se for o caso, você já terá o contato de um organizador profissional. Só precisa chama-lo de novo e fazer o orçamento para mais um projeto.

 

Bons projetos para você!

 

Mulher, agitada, "quase" perfeccionista, dona de um estilo eclético e interesse nas mais diversas áreas. Depois que eu me espalho, só a organização me junta!

0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *