Arrumar os brinquedos é fácil, quero ver manter!

Quem tem filhos sabe que essa frase é recorrente quando o assunto é organizar os brinquedos! Faz 3 semanas eu postei nas minhas redes sociais que fiz uma limpa e organizei todos os brinquedos da minha filha de 5 anos. Recebi diversas mensagens de pais e mães reclamando de que também arrumam mas a organização não dura 2 dias.

Confesso que aqui em casa a coisa não eram diferentes, mas nos últimos meses resolvi dar um basta nisso e aproveitando a proximidade do dia das crianças, ou seja mais brinquedos, e fiz uma grande organização na nossa brinquedoteca. 3 semanas se passaram, já recebemos visitas de primas e amigas pra brincar juntas e adivinhem “VITÓRIA” …. tudo continua super organizado!

Seguem as dicas para conseguir manter tudo no seu devido lugar por mais tempo….

1 – Organize junto com as crianças.

Ana Rosa - Gif
Aninha no inicio da organização, ajudando a encontrar peças de brinquedos perdidas!

Na hora de arrumar faça seu filho “colocar a mão na massa”, mesmo que seja só sentar ao seu lado e ajudar um pouco. Mostre a ele o que você está fazendo, explique os porquês de deixar tudo arrumado e depois de tudo no lugar mostre onde os brinquedos foram colocados. Tudo isso com muita paciência, calma e entusiasmo, sei que é difícil, mas lembre-se as crianças aprendem muito por espelhamento!

2 –  Deixe poucos brinquedos ao acesso da criança.

Alguns brinquedos maiores ao alcance.

Apesar dessa dica ir contra linhas de educação, como a Montessoriano, ela é melhor maneira de fazer com que o quarto não vire um caos! É normal a criança acabar brincando com mais de uma coisa ao mesmo tempo e misturar os brinquedos. Até aí tudo bem, afinal devemos incentivar que as crianças brinquem, mas acontece que eles acabam abandonando uma brincadeira e pegando outro brinquedo sem guardar o primeiro e é aí onde começa o caos.

Playsets e pelúcias, todos a mostra para criança não “esquecer” do brinquedos, mas todos em uma prateleira alta.

Imagine uma criança brincando de HotWeels, com pistas e carrinhos, ele pega mais carrinhos e pistas e uma casinha pra brincar junto e um trem, até que cansa e resolve pegar um quebra cabeça de 60 peças, monta e resolve pegar o lego! Vocês já imaginaram o caos que está esse ambiente e que na hora de guardar tudo você e seu filho (sempre juntos) terão que arrumar as pistas do hot weels, os carrinhos, trens, pecinhas de quebra-cabeça e muitas pecinhas de lego. O trabalho vai ser cansativo, seu filho já vai estar cansado, você, provavelmente também já vai estar cansada e no final a probabilidade de você pegar tudo e colocar tudo misturado numa caixa só é grande.

Se os brinquedos tivessem longe do alcance, quando ele quisesse o quebra-cabeça, te chamaria, ai era a hora de guardar o Hotweels e assim por diante! Pode parecer cansativo e tedioso, mas é isso mesmo… trabalho de formiguinha, com o tempo a criança já vai se habituando a terminar de brincar com uma coisa, guardar e pegar outro e ai sim você pode deixar os brinquedos a mão, que não vai virar um caos!

3 – Não deixe para depois.

Por mais cansada e na correria que você estiver, guarde sempre os brinquedos logo após as brincadeiras, não deixe pra depois. Isso faz com que as coisas se acumulem e pode sair do controle. Fazendo dessa maneira o ambiente fica mais tempo organizado e voltamos naquele velha história que criança aprende muito por espelhamento, ter o ambiente onde você brinca arrumado trás bem estar isso faz com que a criança vá aprendendo e pegando o gosto pela organização.

4 – Separe os brinquedos.

Caixa com divisórias para as peças pequenas de uma mesmo brinquedo ou similares!

 

caixa pequena com a coleção de bonequinhos

Quem tem crianças “maiores” (4 anos em diante) sabe que os brinquedos miúdos se multiplicam, Legos, Pollys, bonequinhos, loucinhas… É uma infinidade de coisas na hora de organizar. Colocar os brinquedos em caixas menores, separados por tipos, ajuda na hora de organizar. Hoje em dia alguns brinquedos vêm com as caixas reforçadas, elas são ótimas pois duram bastante e ajudam muito e não te fazem gastar comprando uma caixa organizadora de plástico!

 

Caixas separando: Legos, Engenheirinho, Carrinhos, Polly, Shopkins e Quebra cabeças

 

preservar as caixas mais fortes ajuda a economizar e mantém a organização mais facilmente!

 

São dicas simples, mas todas pra serem seguidas no dia a dia para criar o hábito. Organização se aprender desde cedo, com muita paciência você vai fazer com que seu filho se torne um adulto organizado!

Um trabalho de formiguinha…

Bom trabalho!

SalvarSalvar

SalvarSalvar

Nasci em Florianópolis/SC, 33 anos, casada com o José Vitor e mãe da Ana Rosa. Sou formada em Designer de Interiores e Personal Organizer certificada.

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *